7 dicas para escolher corretamente o tamanho da camisa social

A camisa tem um grande papel no guarda-roupas masculino e talvez seu surgimento seja mais recente do que você imagina. Em 1871, a empresa Brown, Davis & Co. de Aldermanbury, registrou o desenho de uma camisa que podia ser abotoada pela parte da frente. Até então, a camisa era vestida pela cabeça e fazia parte do que chamamos hoje de roupa de baixo. Até o final do século XIX, a camisa branca era sinônimo de distinção, já que somente pessoas com grandes posses podiam mandar lavá-las com freqüência. Independentemente de onde você irá buscar sua nova camisa, há algumas regrinhas básicas reunidas aqui para que você escolha corretamente o tamanho da camisa social

1. O caimento perfeito

Embora não dê para negar que o melhor mesmo é ter uma camisa confeccionada por um alfaiate (algo que, no final das contas, nem sai tão caro assim), mais importante que o preço ou marca é o caimento. De modo geral, homens tendem a comprar camisas no mínimo um número maior que o necessário. E uma camisa folgada na cintura e com as mangas caindo sobre o punho é tão deselegante quanto uma peça justa demais, que escapa da calça e marca o abdome.

2. Tórax

Há muita diferença entre muito justo e muito folgado. A camisa ideal fica justa no tórax, sem que o tecido fique esticado demais entre os botões.

3. Costas

Se você é do tipo atleta ou malhadão, o melhor é escolher uma camisa que tenha duas pregas nas costas, entre suas omoplatas. Assim, você garante mais espaço sem precisar de um número maior. Para os mais magros, peças do tipo slim fit – aquelas que contornam o corpo – são as mais indicadas, mas saiba que seja qual for o seu tipo físico, a camisa ideal é aquela cuja costura da lapela traseira acomoda-se na curva dos seus deltóides (os músculos que ficam entre os seus ombros).

camisa-costas

4. Cintura

Está na loja comprando sua camisa nova? Então, aproveite para sentar-se. A camisa ideal deve ajustar-se à sua cintura deixando uma folguinha de tecido suficiente apenas para acomodar seu abdome depois de uma ida exagerada a uma churrascaria.

5. Colarinho

Aqui, uma regrinha antiga, mas que ainda vale ouro: o colarinho perfeito fica justo, com espaço suficiente para que você possa colocar dois dedos entre o colarinho e o pescoço.

6. Mangas

Os punhos devem terminar na junção entre seu pulso e a mão (com o braço em repouso ao lado do corpo).

7. Comprimento

A camisa deve ser longa o suficiente para cobrir seu quadril enquanto você estiver sentado. Isso vai impedir que ela saia da calça ou então que seja desabotoada a cada vez que você precisar se sentar.

Pronto. Agora não tem mais desculpa para sair por aí com aquela camisa sobrando para os lados e que nem parece que é sua, né não?

Marcia Rocha

Sou consultora especializada em moda masculina, produtora e apaixonada por tudo o que está relacionado ao guarda-roupas de homens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *