Como deixar crescer e manter um bigode

O ator Tom Selleck, os cantores Freddie Mercury e Belchior, o poeta Paulo Leminski. O que esses caras têm em comum? Bigodes lendários! Mais marcante e peculiar de que a barba, o bigode é o tipo de pelo facial que requer, basicamente, calma para ser cultivado. Se você planeja entrar para o time de bigodudos, dá uma olhada nessas dicas.

Escolha um estilo

Há diversas formas e tamanhos de bigodes. A escolha do tipo ideal dependerá da quantidade de fios, da sua personalidade e do seu formato facial. Opte por um tipo que melhor combine com as dimensões do seu rosto. Por exemplo: um rosto grande ficará mais harmônico com um bigode volumoso. Isso vale também para quem tem o nariz proeminente. Por outro lado, em um rosto mais estreito, um bigode grande demais pode ficar meio que “sobrando”. Equilíbrio é fundamental.

Leia também: 

Conheça dez estilos de bigodes e seus nomes 

Descubra o formato do seu rosto 

Não faça nada (por um tempo)

Ao contrário da barba, resultado natural da suspensão do barbeador por uma semana ou mais, o bigode é uma espécie de acessório que requer a decisão consciente de ser cultivado, aparado e mantido. Já que, além de chamarem a atenção, os estágios iniciais são sempre um pouco difíceis, você pode deixar a barba crescer como um todo, para que os pelos acima do lábio se misturem com o restante. De um jeito ou de outro, prepare-se para aguardar entre quatro e cinco semanas (em média, varia de pessoa a pessoa) antes que seu bigode cresça completamente.

Elimine a coceira

O pelo facial é mais grosso do que o fio capilar e deixá-lo crescer pode coçar um pouco. Para suavizar, esfolie e hidrate assim que o crescimento tiver início. Depois que os pelos alcançarem cerca de 15mm, aplique um óleo para barba uma vez ao dia, massageando com as mãos.

Duas opções legais: o Conexão Oil, da Macholândia, e o Óleo para barbas curtas, da Men’s Market.

Aparar ou barbear?

A menos que você opte por um handlebar, que requer fios mais longos, assim que os pelos começam a descer sobre o lábio inferior chega a hora de aparar. Para esse primeiro corte, o melhor é procurar um bom barbeiro  garantir que seu bigode tenha estilo e forma bem definidos. A partir daí, você pode mantê-lo em casa utilizando um cortador de barba para seguir as linhas e mantê-las “limpas”. Se o seu bigode é mais ralo, é especialmente importante remover o cabelo de outras áreas do seu rosto. Barba cheia faz com que o bigode pareça ainda menos volumoso.

Esse é o Handlebar

Mantenha seu bigode limpo

Assim como os demais pelos do seu corpo, bigodes podem acumular sujeira, sobretudo restos de comida. Tire um tempinho pelo menos duas vezes por semana e dê aquela “faxina”. Escolha um produto apropriado para pelos faciais e evite sabonetes, que ressecam a pele e os fios. O xampu para Barba da Use Barba é uma boa opção. Após a limpeza, hidrate com um óleo para barba.

Para estilizar e dar aquele toque final

A cera é o produto chave para estilizar seu bigode. Para aplicar, raspe uma pequena quantidade do frasco com a ponta do dedo, esfregue-a entre o dedo indicador e o polegar e espalhe a cera partindo do centro do bigode para as extremidades.

Dica: comece sempre com menos quantidade de produto do que você imagina que seja necessária, já que depois de aplicada a cera é difícil de remover.

Duas opções de produtos: cera de bigode Vito The Mustache Waxa cera de bigode da linha Light My Fire, da Sobrebarba

E, finalmente, o toque final mais importante de todos: sua atitude. Já que resolveu deixar o bigode crescer, tire partido dele. Não de maneira arrogante, mas com tranquilidade e confiança.

1 comentário sobre “Como deixar crescer e manter um bigode

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.